29/03/11

História de um furo mundial

Gêmeos de Cândido Godói
Cada vez que aparece esta história do número exagerado de gêmeos de Cândido Godói na imprensa lembro de uma matéria que escrevi para um jornal de Santa Rosa sobre o assunto. Era um fato inusitado. Numa pequena comunidade, na Linha São Pedro, interior de Godói, boa parte das famílias tinha gêmeos. Não havia explicação para isso.
Alguns chutavam que a água do local tinha algum componente que favorecia de alguma forma à fertilidade podendo, inclusive, influenciar no nascimento de gêmeos. Chegou-se até a cogitar a influência do médico nazista Mengele que teria desenvolvido pesquisa envolvendo famílias descendentes de germânicos, escondidos naquele pedaço de chão.
Independente das conclusões atuais, o que me deixou intrigado, e satisfeito ao mesmo tempo, foi a revelação de moradores daquele Município da história da matéria que fiz e que desencadeou este processo todo, chegando ao estudo científico do caso. Segundo relato do morador Ivo Ferreira dos Passos fui procurado para fazer uma matéria sobre um minhocário. Não obstante, contrariando o combinado, divulguei a existência dos gêmeos na comunidade.
 
O mais relevante é que nem eu lembrava da circunstância. Só lembrei agora depois que o repórter Daniel Cassol divulgou para todo o Brasil o fato. E mais afirmou que foi um furo mundial. Todo repórter sonha com um furo. Mas, nem eu esperava que 18 anos depois alguém lembrasse do fato com tanta clareza de detalhes. É muito estranho. Muito curioso. Tão estranho, tão curioso quanto a existência de tantos gêmeos numa comunidade pequena, distante 413 da Capital gaúcha.
Ao ler o artigo na internet ganhei o dia. Furo mundial, era só o que me faltava!

Matéria completa no link: http://www.folhadabahia.com.br/noticias/lerNoticia.php?id=4351

Outras referências:
Verbete na Wikipedia
Site do Município
Estudo sobre gêmeos de Godói
Notícia - Estadão

2 comentários:

  1. Parabens Solano, que bom que a vida é assim. Não importa quanto tempo leve, o reconhecimento sempre vem, principalmente para aqueles que como tu, tens uma visão apurada e perceptiva do cotidiano. Abração, meu amigo.

    ResponderExcluir
  2. Pois é, Solano! Você entrou, definitivamente, para a História de Cândido Godói. Seu nome, como autor da primeira reportagem sobre os gêmeos, consta em vários arquivos e passará a correr o mundo. Lembra do então vereador, Ademar Heck? Foi ele que preservou a matéria e sempre lembra de seu nome como figura importante no início desse trabalho. De lá para cá, muitos outros se destacaram, de uma ou de outra forma, mas o mérito pelo "furo mundial" ninguém irá tirar de você. Parabéns! Sélia Heck/Cândido Godói

    ResponderExcluir